Casa com Bossa Menu

A arte de projetar |Exposição LEGO

Bom dia! Semana passada fui na exposição “Art of the Brick”, obras de arte criadas com mais de um milhão de blocos de LEGO, por Nathan Sawaya. Formado em direito, e infeliz em sua carreira ansiava por algo mais criativo, Em 2002 conseguiu, como ele mesmo diz “Quero entreter as pessoas e tenho certeza de que estou fazendo isso.” Quase todo adulto de hoje já brincou com as pecinhas coloridas criadas pelo carpinteiro dinamarquês Ole Kirk Christiansen, em 1932 e, com elas, construiu casas, castelos ou cidades, a depender do talento. Para criar... Leia mais

Bom dia!

Semana passada fui na exposição “Art of the Brick”, obras de arte criadas com mais de um milhão de blocos de LEGO, por Nathan Sawaya. Formado em direito, e infeliz em sua carreira ansiava por algo mais criativo, Em 2002 conseguiu, como ele mesmo diz “Quero entreter as pessoas e tenho certeza de que estou fazendo isso.”

casa_com_bossa_lego10

Quase todo adulto de hoje já brincou com as pecinhas coloridas criadas pelo carpinteiro dinamarquês Ole Kirk Christiansen, em 1932 e, com elas, construiu casas, castelos ou cidades, a depender do talento.

Para criar suas obras autorais ou reproduzir quadros famosos, Nathan utiliza de 10 a 80 mil pecinhas de plástico. A mostra na Oca reúne 84 trabalhos, incluindo a criação que, segundo ele, é a mais representativa de sua carreira: a do homem amarelo que se abre e revela blocos soltos de Lego dentro do peito. As outras, no entanto, não são menos impressionantes, como um T-Rex de seis metros de comprimento e as versões pop de David, de Michelangelo, ou de O Beijo, de Gustav Klimt.

casa_com_bossa_lego3

casa_com_bossa_lego8

casa_com_bossa_lego2

casa_com_bossa_lego7

casa_com_bossa_lego6

casa_com_bossa_lego5 casa_com_bossa_lego9

 

A exposição está imperdível!!!

1 comentário

arteExposiçõesSem categoria

Como escolher o criado mudo certo?

Bom dia! O criado-mudo, é um item indispensável para seu quarto! Pois nele você pode apoiar diversas coisas que você pode precisar e que não tenha que levantar da cama para pegar. Como um controle remoto da TV, a babá eletrônica, o despertador, o livro que está lendo, um abajur…enfim, diversas coisas úteis que você quer deixar ao seu lado, além de objetos decorativos como porta retratos, flores, coisas pessoais, etc… O criado-mudo também tem seu valor decorativo, e dependendo do modelo escolhido, ele se torna facilmente o centro das atenções... Leia mais

Bom dia!

O criado-mudo, é um item indispensável para seu quarto! Pois nele você pode apoiar diversas coisas que você pode precisar e que não tenha que levantar da cama para pegar. Como um controle remoto da TV, a babá eletrônica, o despertador, o livro que está lendo, um abajur…enfim, diversas coisas úteis que você quer deixar ao seu lado, além de objetos decorativos como porta retratos, flores, coisas pessoais, etc…

O criado-mudo também tem seu valor decorativo, e dependendo do modelo escolhido, ele se torna facilmente o centro das atenções do espaço.

casa_com_bossa_criadomudo23

Para o casal, o criado-mudo não precisa ser igual, mas a “regra” dos móveis conversarem entre si, precisam ter uma harmonia. Portanto o criado-mudo pode sim ter cores e formatos diferentes para ele e para ela. Isso deixa a decoração mais divertida!

casa_com_bossa_criadomudo6

casa_com_bossa_criadomudo9

casa_com_bossa_criadomudo11

Ao contrário do que muitas pessoas pensam, cabeceira e criado-mudo não precisam nem ser do mesmo material, muito menos da mesma cor! O que vai depender, na verdade, é o que você pretende para o seu quarto. Se você é dos que curtem cabeceiras mais cheias de detalhes, opte por um criado-mudo mais discreto para que não haja briga de estilos. Se prefere mais o estilo tradicional, o ideal é manter o mesma linguagem na cabeceira e criados.

casa_com_bossa_criadomudo22

casa_com_bossa_criadomudo13

casa_com_bossa_criadomudo17

casa_com_bossa_criadomudo14

casa_com_bossa_criadomudo8

casa_com_bossa_criadomudo5

 

Em alguns casos, se a intenção for criar uma ideia de continuidade, existem modelos de cabeceiras que são embutidas ao criado-mudo, que ocupam mais espaço na horizontal, ou também em outros modelos diferenciados, como por exemplo um criado-mudo que é embutido para otimizar espaço.

casa_com_bossa_criadomudo15

casa_com_bossa_criadomudo19

casa_com_bossa_criadomudo20

Qual é o seu estilo?
Invente-se, Divirta-se!!!

1 comentário

DecoraçãoQuartoDicas e IdéiasSem categoria

Rio de Janeiro|Arte, história e arquitetura

Bom dia! Estou retornando com posts cheios de novidades em arte, decoração e design. E como estamos seguindo o grande evento que está acontecendo no nosso país, as Olimpíadas, eu não poderia deixar de falar sobre o que o Rio de Janeiro, cede deste evento, que tem lugares históricos e projetos incríveis além da sua beleza natural! O Rio ja foi a capital do Brasil, e de lá pra ca acumulou muita história. Selecionei alguns museus e lugares incríveis para visitar. MAM – Museu de arte Moderna do Rio... Leia mais

Bom dia!

Estou retornando com posts cheios de novidades em arte, decoração e design.

E como estamos seguindo o grande evento que está acontecendo no nosso país, as Olimpíadas, eu não poderia deixar de falar sobre o que o Rio de Janeiro, cede deste evento, que tem lugares históricos e projetos incríveis além da sua beleza natural!

O Rio ja foi a capital do Brasil, e de lá pra ca acumulou muita história.

Selecionei alguns museus e lugares incríveis para visitar.

MAM – Museu de arte Moderna do Rio

Em 1948 O Museu de Arte Moderna do Rio de Janeiro nasce oficialmente como entidade civil. Instalado provisoriamente em uma das salas do Banco Boavista.

Assinam a ata inaugural do Museu de Arte Moderna do Rio de Janeiro, tendo como Presidente Raymundo de Castro Maya e Presidente de Honra Gustavo Capanema. O pós-guerra favorece a aquisição de obras de artistas europeus para o Museu, tais como Pablo Picasso, Wassily Kandinsky e Paul Klee.

Em 1953 O projeto da sede do MAM RJ é elaborado por Reidy e o paisagismo por Roberto Burle Marx, e desde então todas as exposições são feitas no prédio novo. Nos próximos anos foi construído o bloco escola, que passa a ser a sede. Em 1967 fica pronto o bloco de exposições, inaugurado com uma retrospectiva de Lasar Segall.

Em meados de 70 o bloco exposições passa por um incêndio, e várias obras são perdidas. O bloco é restaurado e recebe várias exposições de artistas importantes.

Em 1993, Gilberto Chateaubriand, um dos maiores colecionadores de arte moderna e contemporânea do País, deposita em regime de comodato sua coleção de cerca de 4000 obras no Museu de Arte Moderna.

A partir desse ano o museu faz muitas exposições, recebe obras super importantes, e até hoje tem como missão difundir a produção moderna e contemporânea, nacional e internacional, não só no Rio de Janeiro como em todo o Brasil e no exterior, através de exposições de sua coleção, publicações e empréstimos de obras, além de formar, manter e preservar a coleção de obras de arte moderna e contemporânea.

 

casa_com_bossa_rio6

casa_com_bossa_rio1

casa_com_bossa_rio4

MAC – Museu de Arte Contemporânea

Localizado na cidade de Niterói, Rio de Janeiro, e inaugurado no dia 2 de setembro de 1996.

Projetado pelo arquiteto Oscar Niemeyer, o MAC tornou-se um dos cartões-postais de Niterói.  A maioria das obras pertencem à arte contemporânea, todas a época do século XX. Apresenta desde artes abstratas até obras retratando a ilusão da Monarquia Brasileira. O museu possui um acervo de 1.217 obras da Coleção João Sattamini. Um conjunto reunido desde a década de 1950 pelo colecionador João Sattamini, constituindo a segunda maior coleção de arte contemporânea do Brasil.

casa_com_bossa_rio10

casa_com_bossa_rio23

casa_com_bossa_rio21

Mirante da Boa Viagem, s/nº – Boa Viagem, Niterói – RJ, 24210-390

Museu do Amanhã

Inauguração, 17 de dezembro de 2015

O projeto arquitetônico é assinado pelo catalão Santiago Calatrava, que elaborou um edifício futurístico, inspirado na imagem das bromélias que viu quando fazia sua pesquisa de campo no Rio.

A obra capta água do fundo da baía de Guanabara para fazer toda a refrigeração, circulando pelo edifício e devolvida filtrada ao meio ambiente; e tem abas laterais móveis para que os painéis de energia solar captem a maior quantidade possível ao longo do dia.

O museu é uma das principais âncoras do Porto Maravilha, o projeto de revitalização da região portuária do Rio, e é uma parceria da prefeitura do Rio e da Fundação Roberto Marinho, também responsável pelo Museu de Arte do Rio (MAR) e do Museu da Imagem e do Som (MIS).

casa_com_bossa_rio9

casa_com_bossa_rio7

Museu do amanhã Nome da imagem – Ano/mês/dia + arquivo + .NEF (vide nome da foto - EX: 20120405-DSC_0001.NEF) - Brasil – RJ - Rio de Janeiro - LOCAL - Museu do amanhã – Pier da Praça Mauá – Obras do Consórcio Porto Rio – Material produzido por câmera time-lapse Huoliver Fotografia - Câmera instalada no prédio do Colégio São Bento - Créditos – Sérgio Huoliver/Porto Rio

Museu do amanhã

 Praça Mauá, 1 – Centro, Rio de Janeiro – RJ, 20081-262

MAR – Museu de Arte do Rio

Inaugurado 1 de março de 2013.

Localizado no centro do Rio de Janeiro, o museu ocupa dois edifícios na praça Mauá, entre o Centro e a Zona Portuária. Um dos prédios é o Palacete Dom João VI, construído em estilo eclético. Foi dedicado às salas de exposição, o “Pavilhão de Exposições”, aproveitando-se o pé-direito alto e a estrutura livre de seus salões. O outro, adjacente ao palácio, era utilizado pelo terminal rodoviário Mariano Procópio antes de ser integrado ao museu, a “Escola do Olhar”, além de abrigar a administração e outros departamentos.

Os dois prédios somados, ligados por uma passarela suspensa, a “cobertura fluída”, ocupam uma área total de 2.300m2 e uma área construída de 11.240 m².

O museu foi premiado com o título de melhor construção de 2013, na categoria museu, pelo voto popular do maior prêmio internacional de arquitetura do mundo, o Architizer A+ Awards. O MAR concorreu com os museus Heydar Aliyev Center (Azerbaijão), New Rijksmuseum (Holanda), Zhujiajiao Museum of Humanities & Arts (China) e com o Danish Maritime Museum (Dinamarca).

casa_com_bossa_rio8

casa_com_bossa_rio3

casa_com_bossa_rio

Praça Mauá, 5, Centro. CEP 20081-240 – Rio de Janeiro/RJ.

(21) 3031 2741

Jardim Botânico

13 de junho de 1808 (208)

É um instituto de pesquisa e jardim botânico localizado no bairro do Jardim Botânico.

Uma das mais belas e bem preservadas áreas verdes da cidade, é um exemplo da diversidade da flora brasileira e estrangeira. Nele podem ser observadas cerca de 6 500 espécies (algumas ameaçadas de extinção), distribuídas por uma área de 54 hectares, ao ar livre e em estufas.

A instituição abriga, ainda, monumentos de valor histórico, artístico e arqueológico e a mais completa biblioteca do país especializada em botânica, com mais de 32 000 volumes e o maior herbário do Brasil, com cerca de 650 mil amostras desidratadas completamente informatizadas e disponíveis para o público na página da instituição.

É responsável pela coordenação da Lista de Espécies da Flora do Brasil e pela avaliação de risco de extinção destas espécies.

Um lugar maravilhoso!

casa_com_bossa_rio18

casa_com_bossa_rio11

casa_com_bossa_rio17

casa_com_bossa_rio22

casa_com_bossa_rio20

envie seu comentário

artePelo mundoViagensSem categoria